Alimentação

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

Alimentos que Aumentam e Diminuem o Apetite

Na época mais quente do ano, verão, muitas pessoas ficam com muito apetite. Depois da praia, ou num momento de lazer num lugar serrano, nas férias escolares ou de trabalho, ao sair da rotina diária muitas vezes o apetite aumenta sem muita noção do que é adequado. Com isso podem surgir transtornos digestivos.
Diminuir o apetite é uma técnica útil na administração e controle do peso. O apetite, semelhante a fome, é um desejo de comida. Certos alimentos ingeridos antes de uma refeição ou como prato principal pode controlar seu apetite e prolongar o tempo de você se sentir completo e satisfeito entre as refeições.

Alimentos com baixo índice glicêmico

O índice glicêmico indica o quão rápido um alimento eleva o açúcar no sangue. O açúcar no sangue refere-se à quantidade de glicose no sangue. Os alimentos que são baixos no índice glicêmico, com uma classificação de 55 ou abaixo, permitem uma liberação gradual de energia e um aumento lento do açúcar no sangue. Este processo reduz o apetite, prolongando o tempo que um indivíduo se sente cheio após uma refeição. Alimentos com baixo índice glicêmico incluem todas as frutas e legumes, aveia, massas e pães integrais.

Alimentos ricos em fibras

Alimentos com alto teor de fibras proporcionam vários benefícios para o corpo. As fibras ajudam a produzir movimentos intestinais normalizados, reduzem o colesterol no sangue, controlam os níveis de açúcar no sangue e auxiliam na perda de peso. Já que os alimentos ricos em fibras geralmente exigem um longo período de tempo de mastigação, o corpo registra uma sensação de saciedade mais cedo, evitando excessos. Em termos de volume de uma refeição, alimentos ricos em fibras geralmente oferecem mais comida por menos calorias do que as refeições baixas em fibras. Alimentos ricos em fibras incluem feijão, aveia, ervilha, cereais integrais e farelo de milho.

Alimentos de baixa densidade energética

Alimentos de baixa densidade de energia são os alimentos que fornecem uma baixa ingestão calórica quando consumidos, em quantidades moderadas a grandes. Comendo com maiores quantidades de alimentos que contêm menos calorias auxilia na manutenção da dieta.

Alimentos com baixa densidade de energia muitas vezes têm um alto teor de água, o que mais ajuda na diminuição do apetite e evitando excessos, proporcionando uma sensação mais rápida de saciedade. Alimentos de baixa densidade de energia incluem a maioria das frutas e legumes.

Sopa

Comer sopa antes de uma refeição pode causar uma diminuição do apetite.
A quantidade de sopa que você deve consumir antes de uma refeição para diminuir o seu apetite deve ser suficiente para fazer você se sentir quase satisfeito.
Agora que falamos dos alimentos que diminuem o apetite, vale ressaltar aqueles que aumentam o apetite e ajudam aqueles que querem ganhar massa. O apetite é o desejo recorrente natural para alimentos. A diferença básica entre a fome e o apetite é que o apetite é a necessidade de comer, a fim de manter o equilíbrio de energia. Clinicamente, a anorexia é a perda de apetite. Perda de apetite pode ocorrer por uma variedade de razões, tais como dor, ansiedade, redução nos níveis de atividade, depressão, cansaço, alguns medicamentos e doenças.
Lembre sempre que guloseimas podem até ajudar a saciar temporariamente a fome, mas tem muito mais calorias do que outros alimentos.

Aumentando o apetite:

alimentos ácidos, sódio e fibras
Uma vez que seu cérebro ajuda a determinar o apetite, evitando certos alimentos você pode melhorar a estimulação em seu sistema nervoso central, que conduz a um aumento do apetite. Alimentos que têm um alto teor de ácido, como limões, limas, cenoura, suco de laranja e tomate pode levar a retardar a digestão. Além disso, o excesso de proteína também pode liberar hormônios que tornam a digestão lenta. Alimentos ricos em sódio e fibras também podem retardar a digestão.
Aumentar o apetite não significa comer demais, mas comer nutritivamente bem.

Suplementos naturais:

banana, leite, gengibre, frutas e outros
Existem vários suplementos naturais e caseiros que podem aumentar o apetite e ganho de peso. Esses remédios também podem ajudar as pessoas que não querem comer grandes quantidades de comida. Banana misturada com um copo de leite pode estimular o apetite.
Além disso, você pode aumentar o apetite pelo consumo de leite de amêndoa, uma mistura de gengibre fresco, suco de limão e sal, batidas de frutas e batidas feitas com ingredientes de alta densidade. Além disso, comer lanches regularmente, como amendoim, frutas secas, frutas frescas e vegetais podem ajudar a estimular o apetite.

Buscando mais alimentos

Além disso, frutas com sabores fortes também podem estimular seu apetite. Estes frutos incluem groselhas, damascos e pêssegos. Figos também podem ajudar a aumentar o seu apetite. Especiarias e ervas, como cardamomo, canela e erva-doce também podem ajudar a estimular o apetite.

Cuidado especial

Vale a pena lembrar mais uma vez: para ter uma alimentação saudável, não adianta fazer tudo isso sozinho, por sua conta. Você precisa do apoio, suporte e conhecimento de um especialista. Um nutricionista deve acompanhá-lo ao fazer esta dieta, evitando que você possa ingerir ou incluir alimentos que possam trazer mais males do que benefícios. Tenha o bom senso e cuide da sua saúde com responsabilidade.

Fonte: Revista O Atma Janeiro 2017